Aviso: Post demasiado agressivo e pode ferir sensibilidade (ou não).

Tenho andado a ponderar o facto se haveria de tocar neste assunto se não, se haveria de escrever se não, porque é um tema que anda a ferver no meu sangue já à uns dias.
Sim essa mesmo, os animais. Os cães potencialmente perigosos, ou de raça potencialmente perigosos, chamem-lhes o que quiseres, mas são cães!
Mas porque razão temos que colocar um rótulo nesses animais? Nos Pitbulls, nos Pastores Alemães, nos Dobermans, Rottwaeiler, a sério porquê? Porque são mais entroncados? Têm focinhos de cão maus? What the well?????
São animais, seus idiotas estúpidos que acusam os animais de serem umas feras, filhos do diabo, que só querem é matar as pessoas mordidas até aos ossos! São animais!!!!
Nunca pensaram que é o dono que faz o animal? Nunca pensaram que os animais são o reflecto dos donos? Nunca pensaram que comportamento gera comportamento?
Então vamos lá ver… A minha Tucha é uma rafereira que sabe o que é dela, sabe o que tem que defender, entra por aqui a dentro um gajo para me roubar a casa, ela ataca, defende o que é dela. O que vai acontecer? Das duas uma, ou passa para a lista de cães perigosos e acontece isto “Vamos ter que a abater porque ela é perigosa” ou é “Coitadinha, é uma rafeira, fez um bom trabalho“… Existem duas situações para este tipo de pensamento: Ou vocês são estúpidos, ou vocês são completamente estúpidos!
Qualquer animal, defende o seu território, até os mais meigos que é o caso da Tucha, mas não se armem em campeões porque ela é “falsa” e eu própria já reparei nisso, ela brinca, dá mimos, mas quando entra gente em casa que não conhece vira bicho. Eish espera, não deveria de estar a escrever isto aqui, antes que venham buscar o meu animal, por pertencer a um grupo de perigosos, que têm de ser abatidos!
Realmente faz-me muita confusão a porcaria de mentalidades.
Então, eu sou uma pessoa que tem medo de cães é um facto, e afasto-me do cães grandes, seja qual for o tamanho deles, mas não é porque tem raça X ou Y, é porque pequena como eu sou estou sujeita em eles virem à minha direcção darem-me uma patada na cabeça e eu entrar em coma! Mas não é por isso que eu vou dizer “AIII QUE CÃO HORRÍVEL, DEVIA DE ESTAR PRESO LONGE DAS PESSOAS!!!” NÃO!
Não sejam estúpidos!
É o mesmo que eu pegar em ti, enfiar-te dentro de um poço com um saco na cabeça, deixar-te lá porque és feio que nem cornos!
Não interessa a raça de um animal, não interessa se é considerado perigoso se não, é um animal, que cada dono faz a educação dele. Eu não acredito que o vosso rafeirinho, não ataque pessoas que não conhece que vos entre pela casa dentro!? Sim porque maioria dos acidentes de cães com pessoas é quando entram em territórios privados quando lá não está ninguém (que pena que eu tenho dessa gente).
É o mesmo que eu pegar em ti, prender-te uma coleira ao pescoço, fechar-te numa jaula com uma corrente! Sem contacto com pessoas, sem comer, sem água, cheio de feridas e largar-te depois para passeares. O que vais fazer? Vais dar festas ás pessoas que estão a passar na estrada? Não, possivelmente mandas um encontrão a alguém para dares cabe dela. Não sei, isto sou eu a supor.
Se calhar deveria de ser  proibido ter um animal sem chip, sem licença, sem todos os bens necessários para se ter um animal. Seria uma boa aposta. Não?
Os animais são aquilo que nós fazemos deles.
Eles não têm culpa que maioria dos donos serem uns idiotas de gangs que só servem para exibir o seu animal e claro que é sempre raças conhecidas potencialmente perigosas, porque se for para andarem com caniche, mais vale estarem fechados em casa. Gostam de se exibir mas é nesses casos que deveria de ser proibido terem animais.
Digam-me uma coisa, se um filho é capaz de matar o próprio pai, como vice versa, porquê que os animais não podem morder outros, porque sempre o maltrataram? Porque está a proteger o seu território? Porque mil e uma razões, É NORMAL!
Eu fui mordida duas vezes por cães, deveria ter juntado à lista de cães perigosos, porque me moderam e coitados, eram rafeiros e pequenos.
Estas mentalidades dão cabe de mim Agora porque houve mais uma criança mordida, foram deixados em canis mais cães de raça potencialmente perigosa. Eu não estou a dizer que, não tenho pena das crianças, como das pessoas que foram atacadas, tenho pena, de algumas atenção, porque se forem aquelas pessoas para fazer mal, só lhes fez é bem. Tenho pena, porque uma criança é inocente, quer brincar com um animal que vê e é surpreendido com um ataque. Mas aí, a responsabilidade é dos donos, que não o souberam educar, dar amor, dar atenção. Porque ter um animal não é ter e está feito, exige muito tempo, muito trabalho, amor e dedicação. É como um filho, só que é de 4 patas.
A minha Tucha não lhe falta nada, amor, carinho, mimos, brinquedos, passeios, tudo, e não é por isso que não é agressiva quando entra alguém em casa dela, no território dela, que nunca viu. É NATURAL!

Entenderam?
Para mim era mais fácil pegar em ti e colocar um corda à volta do teu pescoço do que alguma vez fazer mal a um animal.
É que no meio desta palhaçada toda, os animais é que sofrem, os animais é que são abatidos por se defenderem, por nunca terem tido contacto humano com amor e têm um fim triste graças aos merdas dos donos que tiveram!
Enfim… Ganhem alguma cabeça e deixem-se de ser palhaços, se querem ter um animal para estar preso a uma corrente e  numa jaula, mais vale colocares um saco na cabeça e mandares-te de uma ponte, porque mereces !

Estão a ver esta imagem abaixo? Eu tenho que me rir, porque vocês vão achar piada, tal como eu achei, mas é uma ironia à volta de tudo isto.
Esta imagem mostra 10 raças de cães mais perigosos do mundo…
Portanto no meio desses 10, temos o Husky, o Chow Chow e o Dálmata… Então a ironia é que alguma vez vocês como eu iriam dizer que estas 3 raças são perigosas? Piada não é, mas é mesmo verdade.. Quem diria que “Ai o Husky e tão lindo, tão peludo e olhos azuis“, “Ai o Chow Chow é tão fofo cheio de pêlo que parece um ursinho” e “Ai um dálmata é um amor é como no filme dos 101 dálmatas“.. Enfim…

E sabem o mais irónico? É as pessoas não saberem pesquisar porque passo a citar de um site que por acaso é da esquerda podem clicar aqui:

Para quem não sabe, as três raças de cães que mais mordem são, por incrível que pareça, por ordem decrescente: 1º – Dachshund( também conhecido como salsicha) , 2º – Chihuahua e 3º – Jack russell terrier, sendo que nesta lista o Pit Bull Terrier, uma das raças mais citadas como atacante habitual, surge apenas no 6º lugar1. Como é lógico, esta classificação apenas considera a quantidade de mordidelas notificadas por raça, mas não a gravidade ou força de mandíbula do cão associada ao ataque

Vejam lá bem, o Pitbull está em 6º lugar…
É o mesmo que eu agora ir às notícias e dizer que fui atacada nas pernas pela minha gata (que se encontra em casa dos meus pais) sangrou imenso a minha perna e quase que furava uma veia… Vou já manda-lá para o gatil ou mandar abater por ser uma gata excessivamente agressiva e compulsiva…

Portanto antes de julgarem as  raças mais conhecidas e de estruturas fortes, porque isto é efectivamente moda, pensem duas vezes antes de serem burros e ignorantes.
E antes de adoptarem, pensem primeiro na vossa mentalidade, sentido de orientação e responsabilidade sim? E meus caros, as aparências iludem, podes ter o cães com mais trombas feias e de mau feitio e ser o animal mais dócil e meigo à face da terra.

UM ANIMAL EXIGE TRABALHO!