E fez, exactamente no dia 5 de Março, um ano que existe este blog. Um blog que tem crescido comigo, um blog que foi construído numa das minhas piores fases.
Muitos de vocês não sabem, mas antes da criação deste blog, existia outro, que já tinha 5 anos. Mas acabei com ele. Primeiro não me via nele, segundo tinha pilares que já os tinha perdido, terceiro, comecei com inicio de depressão e cheguei à conclusão que tinha que mudar tudo na minha vida, tudo o que já era um hábito, tudo que me dava dor, tudo que me entristecia.
E assim foi… A partir do dia 5 de Março, nasceu este blog.
Blog este que me tem acompanhado nos meus altos e baixos, mas que, não está ligado a pilares, que me possa fazer sofrer e desistir de novo. É um blog que só cá estou eu. Um blog que me tem ajudado a levantar nos dias mais difíceis.
E sim, tenho estado com uma ausência gigantesca, mas, existem fases que não conseguimos contornar, de maneira alguma, e torna-se complicado, conseguir-mos gerir tudo isso. O tempo, a vontade, a necessidade, a motivação… Quando se vai, ficamos à beira de um precipício sem saber bem o que escrever, o que partilhar.
E para partilhar com vocês, coisas que ninguém merece ler, mais vale uma pessoa ficar sossegada, essa é a verdade, doa a quem doer.
Com tudo isto, quero agradecer a todos vocês, que me têm ajudado, que me têm acompanhado, ao longo deste ano. Que me têm dado razão para continuar aqui, a escrever, a partilhar e tudo mais.
Obrigada por tornarem este blog tão grande, que nunca teria pensado que se iria tornar… Tudo isto, é por vocês e graças a vocês.
E por isso, que venham muitos mais, se Deus quiser. Mais anos de partilha, mais anos de aprendizagens, mais ano de amizades e mais anos de reconhecimento.

Muito obrigada por toda a vossa presença desse lado!